nada se perde ...




Mais fotos aqui

Desde muito cedo soube dar valor a esta frase "nada se perde tudo se transforma".
Dai resulta um guardar coisas, um exercicio mental de reaproveitamento de materiais.
Neste caso, uma pilha de tecidos (que amigas da minha avó me oferecem) e que muitas das vezes não vejo nenhum destino para lhes dar.
Depois de alguma pesquisa e de algumas voltas á cabeça achei que esta solução seria a melhor e a mais desejada.

Algumas horas a cortar vários metros de tecido em tirinhas.
Agulhas circulares nº7 se possivel mais grossas ainda.
Um cházinho bem quente e uma boa companhia
O resultado pode ser um serão muito agradável, quase a tocar aquelas noites de outros tempos em que não existia muito mais para fazer nem para ver ...

Para breve uma mala castanha com malha em tecido

De encantar:
xt móveis, este é o meu preferido (até agora)

2 comentários:

miriam disse...

gosto muito do cuidado com que fazes todas as tuas coisas!
muito boa ideia! =))

TrêsGatosMiaus disse...

Linda a bolsinha como sempre..